How The Way I Collaborate With Brands Changed

April 16, 2019


Ainda me lembro da altura em que comecei o blog como se fosse ontem. Os blogs ainda estavam a começar e ninguém imaginava no que se viriam a tornar. Quando comecei ainda eram muito poucos, passado alguns anos houve um boom gigante em que quase toda a gente tinha um blog e, entretanto, nos dias de hoje, só alguns se mantiveram, devido ao aparecimento das redes sociais. Mas o que venho falar hoje é como a forma como eu colaboro com marcas mudou desde a altura em que criei o blog. Como vos disse, na altura os blogs ainda eram escassos, por isso quando recebi o primeiro e-mail em que uma marca me proponha uma parceria em troca de roupas, para mim nem parecia realidade. Nunca eu pensei que semelhante coisa fosse possível. Mas, de facto, era e eu aceitei a parceria sem quaisquer requisitos. Para mim, era como se o Natal tivesse chegado mais cedo. Ainda me lembro exactamente do que recebi. A peça era então um vestido com um padrão floral e com um tecido de qualidade bastante duvidosa. Se eu gostei do vestido? Para ser sincera, acho que não, até porque na altura não era grande fã de vestidos, mas tinha tanto significado para mim que publiquei um outfit com ele. Depois disso, as parcerias foram aumentando e cheguei a publicar outfits em que quase todas as peças eram dadas por marcas. Mas, se repararem nos outfits que publico hoje em dia, já não é bem assim. A forma como encaro as colaborações mudou muito e, neste momento, podem ter a certeza de que apenas vou publicar outfits com peças que realmente gosto e com marcas com as quais me identifico. Por isso mesmo é que as parcerias são menos, mas também sou mais verdadeira com aquilo que publico.

I still remember when I first started the blog like it was yesterday. Blogs were only starting up and no one imagined what they would become. When I first started, blogs were only a few, but after a while, almost everyone had a blog and right now there are only a few blogs left thanks to social media. But what I'm talking about today is how the way I collaborate with brands changed along the years. As I already told you, when I started there weren't a lot of blogs so when  I first got an e-mail with a brand offering me clothes for free to me it didn't feel real. It was like Christmas came earlier. I can still remember what I got. It was a floral print dress in a very bad fabric. Did I like it? To be honest, not really. I wasn't the biggest fan of dresses back then, but that piece of clothing had such a huge meaning to me that I did a post with it. After that, I got more and more collaborations and there was a time that I wore gifted items in almost every outfit post. But you probably already noticed that it's not the same thing right now. The way I look at collaborations changed a lot and right now you can be sure that I will only post something that I really like and brands that really reflect my style. That's why I don't have that many partnerships right now, but you can be sure that I'm way more true to what I post.

blazer MASSIMO DUTTI | t-shirt and jeans ZARA | sneakers VANS | bag VINTAGE

Join the conversation!

  1. Estou como tu - não só porque tenho o blog meio ao deus-dará (lol) mas porque dei por mim a não conseguir recomendar estas peças sem "remorsos". Porque a qualidade...pronto, é o que é, pelo lado ético...enfim. Talvez mude de opinião se precisar de algo mas olha, assim de repente, acho que não. Mais qualidade em vez de quantidade!

    Jiji

    ReplyDelete
    Replies
    1. Sim, recomendar algo com pouco qualidade é mesmo ir contra o nosso trabalho. Mas claro que há excepções!

      Delete

Latest Instagrams

© FASHION MASK. Design by FCD.